Tag Archives: relacionamento

Cautela, a regra para se dar bem na rede

19 abr

jornal da tarde_ 19/04/2010

Hoje participei de uma matéria no Jornal da tarde a respeito do uso corporativo do Twitter. Todos nós sabemos o quanto é importante levar a sério esta ferramenta de comunicação e aproveitá-la para gerar resultados positivos seja para uma marca ou uma empresa.

Cada cliente necessita de uma estratégia diferente, levando em conta seus principais objetivos com relação a esse contato mais próximo do consumidor com a marca/empresa. É importante estar sempre muito atento às reações das pessoas em relação ao conteúdo postado e se houver críticas ou reclamações, responder de imediato.

Muitas empresas encaram o Twitter apenas como mais uma plataforma para falar sobre si e difundir propagandas, mas estudos e fatos demonstram que as empresas que mais são bem sucedidas neste canal, são aquelas que criam uma conversa com seus consumidores/seguidores.

Oferecer algo a mais, um serviço relacionado à marca faz parte de uma grande tendência chamada Brand Butler ( sobre esse assunto escrevi no Blog dos Inovadores Espm. Veja aqui) e também é muito importante.

As Mídias Sociais são canais que facilitam a difusão de idéias, geram buzz e interatividade entre as pessoas, mas também podem trazer muitos problemas se não forem usadas corretamente. Temos exemplos recentes de empresas que se deram mal por não se atentarem a detalhes básicos de comunicação e relacionamento, como a Nestlé.

Para ler a matéria completa no Jornal, clique aqui.


Anúncios

A Internet está aproximando ou distanciando as pessoas?

19 nov

Qualquer um que se interesse pelos rumos da Tecnologia e suas influências no Comportamento Humano certamente já se perguntou sobre o futuro que está reservado para nós humanos cada vez mais dependentes das máquinas.

Walter Longo me fez pensar muito nesse assunto ao twittar no dia de ontem:

Fiquei intrigada com essa afirmação, afinal, um dos maiores motivos de sucesso das Redes Sociais não é o fato de as pessoas se reunirem em torno de interesses em comum? Logo, ficamos próximos de quem gostamos certo?

Por outro lado lembrei do fenômeno Twitter que faz a conexão entre pessoas comuns e seus ídolos. Estreitamento de relacionamento total! Quando que se iria imaginar que haveria uma época onde o William Bonner falaria Boa Noite e recebesse 38359529582 respostas de seus telespectadores,ouvintes e seguidores? Nesse caso, os famosos ficam perto de quem gosta deles e é criado um canal de relacionamento com pessoas desconhecidas.

Falando em Relacionamento nas Redes Sociais:

Uma recente Pesquisa aponta que o Twitter e Orkut são as 2 Redes Sociais mais utilizadas porém com motivações diferentes.

  • As pessoas utilizam o Twitter para se buscar informação /se atualizarem
  • No Orkut o propósito é o relacionamento com amigos, parentes,colegas

Ednilson Machado, sócio-diretor do Grupo Máquina disse aqui que A Internet proporciona um grande nível de interação sendo assim um veículo mais próximo das pessoas, por isso a tendência é que a Internet se torne um ambiente cada vez mais promissor.

O mais interessante é que as mídias sociais já alcançam um nível de credibilidade similar aos demais meios, conforme mostra esta Pesquisa.

Vou pegar uma frase emprestada do Gustavo Rocha que vi hoje no Administradores.com.br

“Conectar-se as redes sociais é o início. Interagir é o verbo. Relacionar-se a consequência.”

A palavra-chave em todas as Redes Sociais é RELACIONAMENTO.

As Redes Sociais são feitas de pessoas e para pessoas. Ainda somos nós que estamos no comando. Tudo hoje em dia é focado nas Pessoas. Um depoimento em fórum sobre determinado produto ou serviço gera muito mais credibilidade no consumidor do que uma propaganda ou contato com algum vendedor.

As pessoas gostam de dividir suas experiências, buscam por passatempo, diversão e encontram tudo isso no maravilhoso mundo da Internet, protagonista de nossos dias na atualidade.

Quem trabalha com análise de Mídias Sociais sabe como é difícil e complexo analisar as impressões, comentários e opinões dos consumidores. Como o próprio título do artigo que li diz: Análise de Mídias Sociais exige calor humano.

Pode ser que chegue um dia que a Tecnologia avance muito e aconteça como no filme Substitutos, onde as pessoas possuem zilhões de formas de comunicação mas criam robôs para serem representadas presencialmente, controlando-os com a própria mente, estando confortavelmente em suas casas, não havendo mais a necessidade de sair para o mundo exterior

A questão é que enquanto isso não se torna uma realidade, devemos dosar e equilibrar as ferramentas das quais dispomos hoje para nos relacionar com as pessoas.

Vi um artigo aqui que fala exatamente disso, que vivemos em um mundo onde redes sociais são lançadas a todo momento e não conseguimos dar conta e estar ativamente em todas. Precisamos do nosso tempo para passear ao ar livre, curtir a companhia dos amigos, entrar em contato com a natureza…

Usando a Tecnologia a nosso favor, só temos a ganhar, como no caso da Terapia Digital. Saiba mais sobre isso aqui.

As empresas estão se aproximando e tentando entender melhor seus consumidores.

Os consumidores estão se organizando em grupos a fim de melhorarem suas escolhas por determinado produto ou empresa

A Internet através das Redes Sociais é a plataforma de junção desses dois mundos.

Na minha opinião, teoricamente estamos cada vez mais próximos, mas em determinado momento podemos perceber que falar com as pessoas apenas por Orkut, Msn, Twitter não é a melhor opção e que devemos estar sempre atentos a essas mudanças em nossos comportamentos.

Sim, agora entendo o que o Walter Longo quis dizer! 😉